Micro Museu da Palavra

A convite do Ano Zero: Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra e com a curadoria de Ana Bigotte Vieira, Fernanda Eugénio, Joana Braga e Ricardo Seiça Salgado, o Grupo de Tradução do baldio apresenta a instalação performativa Micro Museu da Palavra (uma micro visita guiada seguida de micro-oficina).isabelbrison_angel

O Museu
Temporariamente albergado na Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra, o micro-museu da palavra é uma micro instituição dedicada à recolha, pesquisa conservação, recombinação e apresentação ao público de meia dúzia de palavras escolhidas a dedo. Construído de raiz para albergar um espólio já existente, a sua estrutura inclui espaço de oficinas e de ateliers, prevendo o alargamento exponencial da micro-colecção que, dada a sua natureza específica, se encontra em transformação constante. Feito à medida do espólio que a cada vez alberga, o Micro Museu da Palavra tem por principal missão a investigação indisciplinada, e em diversas linguagens, dos usos e da maleabilidade das palavras na sua capacidade de criar mundo. Particularmente atento às posições que cada termo adopta em qualquer narrativa local, este Micro Museu assume o tamanho das negociações, apropriações e usos possíveis das palavras que acolhe em cada situação específica.

A micro-colecção
A micro-colecção do Micro Museu da Palavra é resultante não de uma política concertada de micro-aquisições ou de micro-empréstimos, mas de um conjunto de oficinas levadas a cabo entre 2013 e 2014 por Tradução em Jogo: grupo de experimentação entre-linguagens do baldio | estudos de performance. Nestas oficinas, a atenção concedida pelos elementos do grupo àquilo que, a cada vez, fala do interior de cada palavra bem como às conversas que cada palavra entabula com outras com que se relaciona – permitiu que eclodissem e se colocassem em jogo usos inéditos, gestos e linguagens inexploradas.
É finalmente do esforço para incutir uma vida própria a cada palavra, inserindo-a, a partir do seu uso, no contexto da nossa existência e tomando-a nas possibilidades que abre para a compreensão do mundo em que vivemos, que a presente micro colecção do Micro Museu da palavra se constitui.

Espólio
O conjunto de vocábulos patente ao público na Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra decorre de uma apurada selecção levada a cabo entre Setembro de 2015 e Novembro de 2015 por entre a panóplia de palavras do acervo.

Historial
A génese do Micro Museu da Palavra remonta a 2013 e a Indirecções Generativas, um encontro internacional de artistas e investigadores que contou com o apoio da Performance Studies international (PSi). Respondendo inicialmente à proposta, endereçada pela própria PSi, da criação de um léxico local para um campo maioritariamente anglófono, o dos Estudos de Performance, cedo os esforços do grupo se desviaram da procura de estabilização dos termos para a experimentação em torno dos seu usos e potencialidades, de onde surgiu a Tradução em Jogo. Desligando-se progressivamente do compromisso estabelecido com a PSi, o grupo passou a encontrar-se mensalmente com o intuito de traduzir palavras trocadas entre os envolvidos que, como que por necessidade absoluta, começaram então a traduzir palavras na sua própria língua que ora constituía uma possível ilha de significado comum, ora nada tinha de relação pré-estabelecida.
Para cada sessão, sempre presencial, recebia cada um uma palavra tendo total liberdade na sua tradução. Foram assim aparecendo textos, performances, happenings, jogos, vídeos, objectos-instalações, programas de software.
O repto para traduzir termos chave dos estudos de performance transmutou-se em performance in actu: tradução da própria “língua de tradução” e experiência da palavra na sua materialidade e nos seus usos concretos.
Ficou o próprio grupo espantado com o prazer resultante de tão libertino jogo, e com as potencialidades que desde então nos tem revelado.

O Micro Serviço Educativo
O Micro Serviço Educativo tem como função dinamizar Micro Visitas Guiadas ao espólio patente ao público na Biblioteca Joanina. Ocasionalmente organizará também Micro-Oficinas de Tradução em Jogo, durante as quais o público não apenas terá oportunidade de aceder ao acervo do museu como eventualmente poderá contribuir para o seu enriquecimento.

Informações Úteis
Micro Visita Guiada seguida de Micro Oficina (facultativa)
LOCAL: Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra.
HORÁRIO: 21 e 22 NOV, às 10h e 15h e 23 NOV, às 10h.

Ficha Técnica
CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO:
Fundação baldio | estudos de performance
DIRECÇÃO ARTÍSTICA:
Tradução em Jogo: grupo de experimentação entre-linguagens do baldio
CURADORIA:
Ana Bigotte Vieira, Fernanda Eugénio, Joana Braga, Ricardo Seiça Salgado
MUSEOGRAFIA E PROJECTO DE EXPOSIÇÃO:
Joana Braga; Ricardo Seiça Salgado
ARTISTAS:
Ana Bigotte Vieira; Fernanda Eugénio; Nuno Leão; Miguel Castro Caldas; Isabel Brison; Joana Braga; Ricardo Seiça Salgado; Sílvia Pinto Coelho
IMAGEM:
Isabel Brison
PRODUÇÃO: Ana Riscado, Ricardo Seiça Salgado, Casa da Esquina.

PATROCÍNIO:
logos_micro-museu

APOIO:

logobuh300_wLogotipoMAFIA

Anúncios